5 dicas para reduzir os custos da farmácia

Reduzir os custos da farmácia é muito importante. Como trabalhamos num mercado tão competitivo como o varejo farmacêutico, diminuir gastos desnecessários é muito importante. Saiba como reduzir os custos da farmácia e ter um negócio extremamente eficiente!

Reduzir os custos da farmácia é o objetivo de muitos empresários. É sempre importante analisar os indicadores da loja para saber onde se está gastando dinheiro e se esse custo é correto e cabível.

Entender os números da drogaria é fundamental para conseguir otimizar as atividades e aumentar a lucratividade da empresa. Avaliar as contas da drogaria é muito importante para ver se não há desperdício ou gastos excessivos com contas pequenas, por exemplo.

Veja 5 dicas importantes para reduzir os custos da farmácia:

Relação próxima com a contabilidade da farmácia

No ramo farmacêutico é comum ouvir que os empresários não conhecem as contas do empreendimento. Essa sensação pode gerar muita insegurança e ser prejudicial para o bom funcionamento do negócio.

Para reduzir os custos da farmácia é desejável o compartilhamento de informações para que o dono se empodere das informações e possa conhecê-las. Tomar decisões com base nos números da loja é muito importante para a saúde financeira da drogaria.

Conciliação Bancária

De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), a falta de controle financeiro é a principal razão que leva quase 50% das empresas a quebrarem em até três anos de funcionamento. Embora muitos especialistas em negócios falem sobre a importância do fluxo de caixa para o controle financeiro, pouco é dito sobre a importância da conciliação bancária como ferramenta.

A conciliação bancária promove uma comparação entre o saldo bancário e as entradas e saídas da empresa. Para isso, é preciso ter um registro diário das contas, verificação de saldos, conferir os detalhes e as datas, corrigir e armazenar notas fiscais, extratos e comprovantes. A partir desses documentos, que devem ser geridos pela contabilidade, a farmácia contará com vários benefícios. Isso é essencial para reduzir os custos da farmácia.

A conciliação bancária faz com que seja possível prever o fluxo de caixa, apresentar um saldo atualizado e elaborar um planejamento orçamentário realista e funcional. Além disso, ajuda a ter maior controle das movimentações financeiras, o que, além de prevenir sustos com tarifas e gastos indevidos, pode contribuir para planejar o crescimento do negócio.

Checagem de NCM

Outro fator que prejudica muito os donos de drogarias é o cadastramento errado do NCM dos medicamentos. Cada medicamento exige o cadastro de um NCM específico. Quando esse cadastro é feito de forma errada, isso significa que o estabelecimento está pagando tributos a mais. Nesse caso, está perdendo dinheiro. Mas pode ser um problema também caso esteja pagando tributos a menos, pois estará na mira da Receita e terá de responder por essa dívida, resultando em multas.

Para reduzir os custos da farmácia é necessário checar se os pagamentos dos NCMs estão corretos. Isso dá mais tranquilidade e regularidade ao funcionamento do estabelecimento no dia a dia.

Controle de restrições de crédito, inscrição em dívida ativa e protestos oriundos de dívidas tributárias

É muito comum que se sofra com restrições de crédito, inscrição em dívida ativa ou protestos de dívidas tributárias. Lidar com essas questões pode desviar o foco do funcionamento da drogaria e gerar uma bola de neve. Isso, infelizmente, costuma conduzir ao encerramento do negócio.

A contabilidade é o setor responsável por lidar com esses fatores da forma mais estratégica e econômica possível. É papel da contabilidade traçar metas e calcular planos para oferecer ao seu cliente dados concretos para a resolução dessas questões. Depois de resolvidas, é possível seguir em frente delineando objetivos para expandir o negócio e direcionando energia e atenção para outras possibilidades.

Recursos Humanos

Um dos grandes gargalos da farmácia é não ter profissionais capacitados para atuar no dia a dia do negócio. A maioria dos colaboradores não consegue se alinhar com as missões da empresa e acaba prejudicando a coerência com a proposta do estabelecimento.

O ideal é fazer a gestão e a seleção de pessoas para capacitá-las a assumir a postura correta para atender o público das drogarias de forma compatível com os valores da empresa.

A rotatividade de funcionários não permite reduzir os custos da farmácia, pois acaba gerando alto valor de pagamentos de registro e demissões. É preciso ter em mente que a seleção é fundamental para não impactar no dia a dia da drogaria. O gerente da loja não deve perder tempo constantemente treinando novos colaboradores.

 

Entenda os números da sua drogaria para reduzir os custos da farmácia e ter um negócio cada vez mais lucrativo!

Fonte: Farmarcas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *