Versão genérica de remédio para prevenir HIV deve ser lançada em 2021

Uma versão genérica do medicamento utilizado para prevenir o vírus HIV deve chegar ao mercado em 2021. A empresa farmacêutica Gilead, que detém a patente de produção e de venda da droga usada para a Profilaxia Pré-Exposição (PrEP), aceitou compartilhá-la com a Teva. Como a Gilead ainda manterá os direitos exclusivos pelos próximos 15 meses, a companhia afirma que não espera que o produto chegue aos Estados Unidos antes de 2021.

O grupo que defende a produção de uma versão genérica do Truvada, o #BreakThePatent (#QuebreAPatente), disse, após o anúncio, que compartilhar a patente com a Teva não será o suficiente para reduzir o preço da droga. De acordo com eles, 1 mês de tratamento com o Truvada custa entre US$ 1.600 e US$ 2.000 (entre R$ 6.000 e R$ 8.000, aproximadamente). Outro ponto que preocupa é a falta de transparência a respeito do acordo.

Um estudo promovido pelo Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos mostrou que o Truvada pode reduzir em 99% o risco de contrair HIV, mas não é tão popular quanto se esperava. No Brasil, a PrEP começou a ser ofertada pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no ano passado, possibilitando acesso gratuito ao medicamento. De acordo com dados de julho de 2018 do Ministério da Saúde, mais de 2,5 mil brasileiros estavam utilizando o tratamento para prevenir o HIV.

Fonte: Portal TECMUNDO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *