Consumo de energéticos pode causar arritmia (e a culpa não é da cafeína)

O consumo frequente da bebida pode interferir no tempo das batidas do coração, aumentando o risco de arritmias

Saúde - Energético

Há algum tempo autoridades de saúde do mundo inteiro, incluindo a Organização Mundial da Saúde (OMS), têm alertado para os perigos do consumo excessivo de energéticos. Agora, novo estudo alerta que essas bebidas podem causar distúrbios cardíacos fatais, especialmente em pessoas com condições preexistentes, como hipertensão e síndrome do QT longo – doença caracterizada por distúrbios no ritmo cardíaco.

estudo, publicado no periódico Journal of American Heart Association, revelou que a bebida interfere no ritmo do coração; e, inesperadamente, esse efeito não está relacionado à quantidade de cafeína presente na fórmula. Segundo a equipe, esse resultado pode estar sendo causado pela combinação de ingredientes ou por um ingrediente específico, mais ainda ainda não foi possível identificar.

O que há no energético?

Segundo a CNN, a maioria das bebidas energéticas contêm grandes quantidades de cafeína, vitaminas, especialmente a B, além de estimulantes considerado legais, como guaraná (planta típica da Amazônia), taurina, um aminoácido encontrado em peixes e carne; e L-carnitina, substância comumente encontrada no corpo humano cuja função é transformar gordura em energia.

Fonte: Veja Saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *